5 dicas do que NÃO fazer em uma entrevista de emprego

04/09/2019

Não conseguiu aquela vaga que tanto desejava? Pode ser que você tenha se comprometido em algum detalhe. Confira 5 dicas sobre erros comuns e como evita-los.

Erros mais comuns 

Você foi chamado para aquela entrevista que tanto esperava, tinha o perfil ideal da vaga, mas quando saiu o resultado, não foi aprovado. Você tinha certeza do seu ótimo desempenho na entrevista, e agora está se perguntando: o que pode ter acontecido? 

A resposta é simples, assim como em muitas coisas na vida, quando o nível da sua competição se torna muito alto, a atenção aos detalhes cresce proporcionalmente, e provavelmente foi aí que você cometeu um deslize. 

Se o seu currículo foi aprovado na pré-seleção e você já sabe que tem a qualificação técnica necessária, pode ter certeza que o foco da conversa será a sua personalidade. Essa etapa da entrevista está muito ligada à observação: tudo o que você disser e fazer estará sendo avaliado, pensando nisso, preparamos para você um guia com os 5 erros mais comuns cometidos, confira abaixo:

1 - Chegar atrasado

Chegar atrasado em uma entrevista é um dos piores erros possíveis de se cometer, as principais características observadas em uma entrevista são profissionalismo e comprometimento, ao chegar atrasado, você passa a ideia de não ter nenhuma das duas características, e pode perder a vaga antes mesmo de ter a chance de falar alguma coisa.

O ideal é conhecer bem o local da entrevista, e planejar a sua rota da melhor forma possível visando evitar os imprevistos. Uma dica realmente infalível é sair de casa bem adiantado, é melhor ficar esperando o tempo necessário do que chegar atrasado e ter que inventar alguma desculpa, até por que a maioria dos entrevistadores não toleram atrasos, se você não estiver lá na hora, outra pessoa adiantada tomará o seu lugar.

2 - Se vestir inadequadamente

Considerado um dos erros mais comuns cometidos, pode parecer um detalhe muito simples, mas é responsável por derrubar muitos bons candidatos. Não é algo que será pedido ou cobrado, mas pode ter certeza que seus entrevistadores irão reparar e com certeza usarão a sua primeira impressão como um critério de desempate caso aconteça de você estar disputando com alguém que tenha o mesmo perfil. O ideal é realizar uma pesquisa sobre o local aonde você deseja trabalhar e reparar como as pessoas se vestem dentro daquele ambiente, obviamente que o principal fator de um candidato é seu conhecimento e conteúdo, porém, uma boa apresentação e uma boa presença são fundamentais.

Quer saber mais sobre como conquistar o seu entrevistador com uma ótima primeira impressão? Clique aqui e leia o texto sobre Workwear, você vai descobrir tudo sobre esse conceito e a real importância de ter uma boa aparência para passar mais credibilidade em seu ambiente profissional. Leia agora mesmo!

3 - Inventar ou mentir em seu currículo

Esta é uma "tática" usada por muitos candidatos e que nunca dá certo. É muito fácil camuflar os defeitos e adicionar habilidades extras em seu currículo, mas é quase impossível sustentar tais mentiras no momento em que se está cara a cara com seu entrevistador. Se a empresa exige um nível de inglês avançado, e você tem apenas um nível básico, diga a verdade. A sua sinceridade pode ser o diferencial, e se eles realmente precisarem de alguém com o inglês avançado, procure outra vaga em outra empresa.

Conseguir passar em uma entrevista mentindo é pior ainda. Imagine estar contratado e somente quando for posto à prova, a empresa descobrir que você na verdade não tem os atributos necessários. Isso pode resultar em demissão e pior, acabar com a sua reputação. Quanto mais tempo a mentira permanecer, mais difícil será mantê-la e pior será a repercussão quando ela acabar.

4 - Falar mal dos empregos anteriores

Uma técnica muito comum usada pelos entrevistadores é pedir para que você fale sobre ou descreva o seu último emprego, esse é o momento em que será avaliado o seu respeito e maturidade, evite falar mal e reclamar de seu antigo chefe ou empresa, mesmo que você tenha motivos reais para isso.

Quando for perguntado sobre o emprego anterior, responda de uma forma profissional e direta, sem se apegar aos detalhes e opiniões. Principalmente quando a pergunta for sobre o motivo pelo qual você saiu desse último emprego, é muito importante sempre dizer a verdade de forma clara, sem julgamentos, diga que está em busca de uma melhor oportunidade em sua área de atuação ou que procura um emprego que ofereça maior perspectiva de crescimento. Normalmente esse é o motivo por qual a maioria das pessoas muda de emprego.

5 - Falta de disciplina e linguagem informal

Uma entrevista de emprego é antes de tudo, um momento de extrema formalidade e seriedade. É um teste durante o qual você deve dar sempre o seu melhor, seja formal e educado evitando usar termos chulos e gírias usadas na roda de amigos. Procure articular bem as suas frases e ter uma boa dicção, vale a pena lembrar que nunca é permitido usar a velha técnica de "encher linguiça", seja objetivo sempre que disser alguma coisa pois os entrevistadores são bem treinados para identificar a sua falta de conteúdo.

Evite também o uso de qualquer tipo de humor, é muito arriscado tentar quebrar o gelo e descontrair usando de uma piada ou comentário engraçado, principalmente quando se conhece pouco sobre quem está te entrevistando. Pode ser que ele desgoste de seu humor, o que criará uma situação desnecessariamente constrangedora e negativa.


Agora você já está ciente do que deve e não deve fazer em uma entrevista de emprego, comece a aplicar hoje mesmo essas dicas em sua rotina e veja antes do que você espera as mudanças em como você é visto e avaliado por um entrevistador.

Deixe um comentário nos contando as suas experiências com entrevistas de emprego e siga nossas redes sociais para não perder nenhuma novidade ou promoção. 

Redação: Gabriel Stelita Schalch | Direção: Thiago Manias    

Fonte: https://www.guiadacarreira.com.br/carreira/emprego/entrevista-emprego-o-que-nao-fazer/


PUBLICAÇÕES RECENTES